Possíveis causas para o erro 503

Normalmente o erro 503 no WordPress tem relação com o consumo dos recursos de processamento (CPU e RAM) de seu plano de hospedagem, ele também pode ocorrer por algum erro gerado na estrutura do seu site(plugins, temas, etc).

Algumas das causas mais comuns, são:

  • Erros na estrutura do site, plugins, temas, etc, que consequentemente podem estar gerando um alto consumo.
  • O site/aplicação tem uma necessidade de recursos maior que do que o plano atual oferece.
  • Um alto número de acessos simultâneos, fazendo com que vários processos sejam gerados, assim, aumentando o consumo dos recursos.

Entre outros motivos.

Nesse tutorial você terá algumas das possíveis soluções para o erro 503.


1. Aumente os recursos da hospedagem:

Pode ser que sua hospedagem esteja sobrecarregada. Verifique se estão ocorrendo picos de consumo através do Gráfico de Consumo na aba Resumo do seu painel da Hostoo. Se o gráfico mostrar picos de 100% no CPU ou RAM, é interessante tentar aumentar para um plano que possua mais recursos disponíveis.

Para alterar o plano de sua hospedagem, clique aqui.

Dica: Algumas vezes a falta de otimização no seu WordPress pode fazer com o consumo seja maior que o necessário. Clicando aqui você tem algumas dicas de otimização para WordPress que podem auxiliar na performance do seu site, como também na diminuição do consumo dos recursos de processamento do seu plano.

Obs.: Caso esteja fazendo manutenção no site, é normal acontecer picos de consumo. Uma dica é aumentar o plano durante esse processo de manutenção e assim que finalizar retornar para o plano que deseja.

2. Desative temporariamente seus plugins no WordPress:

É possível que algum plugin em sua aplicação seja o motivo do erro, uma solução é tentar desativar todos os plugins para investigar qual pode estar gerando o erro.

Como o erro 503 impede que você acesse a área administrativa do WordPress (wp-admin), será necessário utilizar o Gerenciador de Arquivos ou FTP para acessar os arquivos da aplicação e desativar os plugins.

A forma mais rápida de fazer a desativação é renomeando a pasta plugins, por exemplo, para _plugins, isso já faria a pasta perder o contato com a aplicação causando a desativação de todos os plugins.
Na hospedagem a pasta plugins se encontra dentro do diretório wp-content que está localizado na raiz da hospedagem public_html (Se seu WordPress foi instalado em um diretório específico, busque a pasta wp-content dentro do diretório onde fez a instalação).

Após desativar os plugins, limpe o cache do seu navegador e verifique se o erro desapareceu. Se sim, em seguida você deve ativar os plugins um por um, separadamente e analisar o consumo dos recursos enquanto realiza as ativações. Assim conseguirá identificar qual o plugin que estaria gerando o problema.

3. Desative temporariamente seu tema WordPress:

Semelhante aos plugins, o erro pode estar sendo causado pelo o seu tema do WordPress. Como você não terá acesso ao wp-admin esse procedimento pode ser feito pelo Gerenciador de Arquivos disponível no painel da Hostoo.

  • Acesse a aba Arquivos > Gerenciador
  • Procure pela pasta wp-content
  • Em seguida abra a pasta themes 
  • Encontre o tema que está ativo no momento
  • Clique no ícone de renomear e adicione um _ antes do nome do tema.

Após essa alteração o tema que ficará ativo no seu site, será o tema padrão do WordPress. Obs.: Caso queira desativar todos os temas, até mesmo este, basta renomear a pasta themes.

Caso o erro desaparece após esse procedimento, significa que o problema está sendo causado pelo tema que você utiliza.

4. Desative Temporariamente seu serviço de CDN:

Em alguns momentos esse erro pode estar sendo causado pelo serviço de CDN que você está utilizando (como por exemplo, o CloudFlare), se você faz uso de algum CDN uma forma de testar isso é desativando-o.

Obs.: Lembre-se de aguardar a propagação do DNS e limpar o cache do navegador ao fazer um novo teste.

5. Verifique os logs de erro da sua hospedagem:

Os logs de erro contém informações importantes relacionadas ao funcionamento do seu site e/ou aplicação, sempre que se deparar com algum erro é importante verificar os logs, lá pode constar os dados que você precisa para resolver o problema.

Para verificar o log de erros de sua hospedagem, clique aqui.

Após encontrar o motivo do erro, caso não saiba como interpretá-lo, uma dica seria copiar o erro e fazer uma busca no google. Geralmente haverá pessoas comentando sobre como resolvê-lo. Uma outra opção seria buscar por algum profissional da área de programação para fazer os ajustes necessários.


Se mesmo após realizar esses procedimentos o problema persistir, entre em contato com nossa equipe de suporte via chat ou ticket.